segunda-feira, 18 de novembro de 2013

As 10 fotografias mais famosas da história do cinema

-->
The Shining

As 10 fotografias mais famosas da história do cinema

Para se chegar ao resultado — como na publicações anteriores sobre fotografias icônicas —, fizemos uma compilação de reportagens publicadas por jornais, revistas e sites especializados em cinema, listas e fotografia. O objetivo da pesquisa era identificar quais eram as 10 imagens mais emblemáticas da história do cinema.
Participaram do levantamento as publicações: “Flavorwire”, “IMDb”, “Cahiers du Cinéma”, “Empire”, “Der Spiegel”, “Life”, “What Culture”, “The Guardian”, “Listal”, “The British Film Institute”, “Der Spiegel”, “BuzzFeed”, “American Film Institute”, “AllMovie”, “Yahoo Movies” e “Telegraph”.
Discutível como qualquer lista de melhores ou maiores, esta também não pretende ser abrangente. Sabe-se que, como a percepção, a opinião — que foi a base da pesquisa —, é algo individual. No entanto, as 10 fotografias selecionadas, se não são unanimidades entre as publicações pesquisadas (e possivelmente não serão entre os leitores e cinéfilos), são referências seminais de alguns dos momentos mais emblemáticos da história do cinema.
Eis, em ordem classificatória, as 10 fotografias selecionadas baseadas nas publicações pesquisadas.
 O Poderoso ChefãoO Poderoso ChefãoMarlon Brando, em cena de “O Poderoso Chefão”, dirigido por Francis Ford Coppola em 1972 e baseado no livro homônimo de Mario Puzo. Em 1998, o American Film Institute o elegeu como o melhor filme de gângster de todos os tempos e o segundo melhor filme da história. Também faz parte da lista de melhores filmes do The British Film Institute. “O Poderoso Chefão” foi indicado a dez Oscars e venceu nas categorias de Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Ator.

PsicosePsicoseJanet Leigh, em cena de “Psicose”, dirigido por Alfred Hitchcock em 1960 e baseado no romance homônimo de Robert Bloch. O filme foi eleito o 18º melhor de todos os tempos pelo American Film Institute, e 35º pelo The British Film Institute. Em 1959, Hitchcock comprou anonimamente os direitos do livro e todas as cópias disponíveis no mercado para que ninguém o lesse e seu final não fosse revelado.

E.T. — O ExtraterrestreE.T. — O ExtraterrestreCena do filme “E.T. — O Extraterrestre”, dirigido por Steven Spielberg em 1982. É considerado um dos maiores sucessos de bilheteria de toda a história do cinema, sendo o primeiro filme a ultrapassar a marca 700 milhões de dólares.

O Pecado Mora ao LadoO Pecado Mora ao LadoMarilyn Monroe, em cena de “O Pecado Mora ao Lado”, dirigido por Billy Wilder em 1952 e baseado na peça teatral de George Axelrod. A cena em que o vestido de Marilyn é levantado na rua pelo respiradouro do metrô tornou-se um ícone da cinematografia mundial. O vestido usado na cena foi leiloado em Junho de 2011 por 5,6 milhões de dólares.

Taxi DriverTaxi DriverRobert de Niro, em cena de “Taxi Driver”, dirigido por Martin Scorsese em 1976. “Taxi Driver” foi indicado a quatro Oscars, incluindo Melhor Filme e Melhor Ator. Venceu a Palma de Ouro no Festival de Cannes. Foi considerado “culturalmente, historicamente ou esteticamente significante” pela Biblioteca do Congresso dos EUA e selecionado para ser preservado no National Film Registry.

O Iluminado

The Shining

Jack Nicholson, em cena de “O Iluminado”, dirigido por Stanley Kubrick em 1980 e baseado no livro homônimo de Stephen King. É considerado, ao lado de “2001: Uma Odisseia no Espaço” e “Laranja Mecânica”, um dos filmes mais populares de Stanley Kubrick.

Cantando na ChuvaCantando na ChuvaGene Kelly, em cena de “Cantando na Chuva”, dirigido por Stanley Donen e Gene Kelly em 1952. O filme ocupa a primeira posição na lista do American Film Institute sobre os Maiores Musicais de todos os tempos.

Forrest Gump: O Contador de HistóriasForrest Gump: o Contador de HistóriasTom Hanks, em cena de “Forrest Gump: o Contador de Histórias”, dirigido por Robert Zemeckis em 1994 com Tom Hanks no papel-título e baseado no romance homônimo de Winston Groom. Forrest Gump foi indicado a 13 Oscars, o filme ganhou em seis categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Ator.

Pulp Fiction — Tempo de ViolênciaPulp Fiction — Tempo de ViolênciaJohn Travolta e Uma Thurman, em cena de “Pulp Fiction — Tempo de Violência”, dirigido por Quentin Tarantino em 1994, baseado num argumento escrito pelo roteirista canadense Roger Avary. “Pulp Fiction” foi indicado a sete Oscars, incluindo Melhor Filme. Ganhou na categoria de Melhor Roteiro Original. Também venceu a Palma de Ouro no Festival de Cannes de 1994.

Tempos ModernosTempos ModernosCena de “Tempos Modernos”, dirigido pelo cineasta britânico Charles Chaplin em 1936. Foi o último filme em que Chaplin interpreta seu clássico personagem, Carlitos. O filme foi censurado em países como a Alemanha por suas citações ao comunismo e a social-democracia. Também foi duramente repreendido pela sociedade americana por sua crítica à Revolução Industrial.

Curta nossa Fan Page e acompanhe nossas postagens pelo Facebook.
Compartilhar no Facebook

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

1 comentários: